Vídeo A História das Coisas

Achei este vídeo tão importante que decidi manter um post só para ele.

O que é a História das Coisas? …
Desde a sua extração até à venda, uso e disposição, todas as coisas que compramos e usamos na nossa vida afectam as sociedade no nosso país e noutros países, mas a maioria disto é propositadamente escondido dos nossos olhos pelas empresas e políticos.
A História das Coisas é um documentário de 20 minutos, rápido e repleto de factos que olha para o interior dos padrões do nosso sistema de extração, produção, consumo e lixo. A História das Coisas expõe as conexões entre um enorme número de importantes questões ambientais e sociais, demonstrando que estamos a destruir o mundo e a nos auto-destruir, e assim apela a que criemos um mundo mais sustentável e justo para todos e para o planeta Terra.
Este documentário vai ensinar algo, fará ri, e acabará por mudar para sempre a maneira como olhamos para todas as coisas que existem na nossa vida.
Um documentário excelente e imperdível.
. ………. http://www.storyofstuff.com ……………
(Keywords: movie, documentary, Consumption, society, earth, nature, ecology, money, resources, nature, environment, products, filme, consumo, eco-consumo, dinheiro, sociedade, natureza, recursos, ambiente, terra, ecologia, produtos, dinheiro, etc)

Faça Agora

Um texto excelente sobre fazer as coisas imediatamente, evitando a procrastinação. Não é meu, é um excerto de um livro.

Agora! Você sem dúvida ouve essa palavra o tempo todo. Se não for da boca de seu chefe, de sua mulher, de seu filho, é da dos anunciantes e vendedores. Em certos dias parece que tudo e todos estão exigindo algo agora. Um gerente ou um colega de trabalho lhe diz que alguém não veio e o trabalho que essa pessoa estava fazendo precisa ser feito por você agora. Ou alguém liga de sua casa para dizer que há um vazamento. Ou o telefone toca e precisa ser atendido por alguém agora. Uma propaganda lhe diz para comprar agora. As pessoas e as coisas demandam o nosso tempo e atenção agora, nesse momento, imediatamente. E, conseqüentemente, nós nos encontramos enterrados no nosso trabalho, apesar de todas as belas teorias e ferramentas de administração de tempo. Continue reading